Fundado em 22/Setembro/1999 Gurupi - Tocantins Fale Conosco Facebook 02/08/2021 15:34
  31/05/2021 10:29:59
Imprimir
SINTRAS - TOCANTINS

COVID-19 - Secretaria Administração do Estado garante medidas proteção aos servidores da saúde não imunizados

Entre as medidas necessárias é a manutenção: da jornada de 6 horas, afastamento dos servidores com idade igual e superior a 60 anos, afastamento das gestantes e lactantes, afastamento dos servidores que mantem sob sua guarda menores de 1 ano, e os portadores de doenças respiratórias crônicas, cardiopatias, diabetes, hipertensão ou outras afecções que deprimem o sistema imunológico.

por Redação inf/Ascom Sintras - TO

Foto: Divulgação

Conforme o presidente do sindicato da saúde Manoel Miranda pandemia ainda não acabou e exige a continuidade das medidas de prevenção, com isso se faz necessário o cuidado com os profissionais que enfrentam o vírus a cada plantão.

O Secretário de Administração do Estado, Bruno Barreto Cesarino, emite resposta oficial de nº 2026/2021 a demanda cobrada pelo Sintras informando que será mantida a jornada de 6 horas e afastados os servidores do grupo de risco que ainda não foram imunizados conforme já publicado no Decreto nº 6.248, de 30 de abril de 2021 publicado no Diário Oficial do Estado nº 5836.


Na cobrança do sindicato feita no ofício de nº 113 protocolado em 14 de maio reivindica a continuidade das medidas de proteção aos profissionais da saúde principalmente os que lidam diretamente com pacientes em suspeita ou acometidos pela covid-19.


Após frisar as recomendações da Organização Mundial de Saúde, Ministério da Saúde, do Estado e destacando a vulnerabilidade dos profissionais diante da ameaça diária do coronavírus e do déficit nas   condições de trabalho destes servidores o sindicato diz ser necessário priorizar a proteção dos mesmos.


Entre as medidas necessárias é a manutenção: da jornada de 6 horas, afastamento dos servidores com idade igual e superior a 60 anos, afastamento das gestantes e lactantes, afastamento dos servidores que mantem sob sua guarda menores de 1 ano, e os portadores de doenças respiratórias crônicas, cardiopatias, diabetes, hipertensão ou outras afecções que deprimem o sistema imunológico.


Conforme o presidente a pandemia ainda não acabou e exige a continuidade das medidas de prevenção, com isso se faz necessário o cuidado com os profissionais que enfrentam o vírus a cada plantão. “É inevitável não se preocupar com os servidores que estão dentro dos hospitais combatendo o vírus conforme a função de cada um. Eles precisão de proteção, isso é uma necessidade vital para não perdemos mais nenhum profissional para covid-19”, relata Manoel Pereira de Miranda.

Voltar

Comentários

Notícias mais lidas

IMPOSTOS

Fecomércio-TO divulga, nota sobre exclusão do ICMS da base de cálculo do Pis e da Cofins

CONCURSO PÚBLICO MUNICIPAL

Prefeitura de Aliança do Tocantuns abre concurso público com 82 vagas

CONCURSO PÚBLICO MUNICIPAL

Prefeitura de Formoso do Araguaia abre concurso com 141 vagas

PLANTÃO DE POLICIA

GURUPI: Policia Civil envia ''GOTE'' Grupo de Elite para conter onda de violência que assola cidade

SAÙDE

Carreta Unidade Móvel III do Hospital do Câncer de Barretos estará em Gurupi realizando atendimentos de graça

Todos os Direitos Reservados © Tribuna do Tocantins

Rua C-03, Qd-10, Lt-05, Nº 101 - Setor Canaã -Gurupi/TO

Atualizado 2021